Uso de escribas médicos nas configurações dos sistemas de saúde

Added June 2, 2020

Citation: Shultz CG, Holmstrom HL. The Use of Medical Scribes in Health Care Settings: A Systematic Review and Future Directions. American Board of Family Medicine. 2015; 28: 371-81.

O que é isso? A pandemia da Covid-19 está pressionando os serviços de saúde. O trabalho de escribas médicos ao colocar informações nos registos médicos electrónicos (EHRs em inglês) durante encontros sobre saúde pode melhorar a produtividade e limitar a ruptura nas iterações entre pacientes e médicos.

Nesta revisão sistemática, os autores pesquisaram por estudos da efectividade dos escribas médicos na produtividade, qualidade e resultados no tratamento de saúde. Eles limitaram suas pesquisas a estudos publicados em Inglês entre 2000 e 2014. Cinco estudos foram identificados; três falavam sobre o uso de escribas em um departamento de emergência e dois tinham por base configurações de clínicas para pacientes internados e que receberam alta. Todos os estudos incluídos possuíam um design não aleatório.

O que foi concluído: 

Escribas médicos podem melhorar a satisfação de médicos-clínicos, sua produtividade, eficiência com o tempo, rendimento e as iterações com pacientes.

Embora a satisfação dos médicos-clínicos aumentou com os escribas médicos, a satisfação dos pacientes não foi alterada.

O que é incerto: 

O número de estudos revisados por pares (peer-reviewed studies em inglês) é pequeno e a qualidade da pesquisa é limitada. Consequentemente, algumas conclusões não foram consistentes e a confiança na credibilidade dos resultados é significativamente limitada.

Os impactos financeiros e o papel dos escribas médicos nos cuidados primários de saúde são desconhecidos.

 

Aviso Legal: Este resumo foi escrito por funcionários e voluntários da Evidence Aid. O objetivo é tornar o conteúdo do documento original acessível aos responsáveis pela tomada de decisões envolvidos na pesquisa de evidências disponíveis sobre o coronavírus (COVID-19) que, inicialmente, podem não ter tempo para ler o relatório original na íntegra. Este resumo não pretende substituir o aconselhamento médico e de outros profissionais de saúde, associações profissionais, desenvolvedores de diretrizes ou governos nacionais e agências internacionais. Se os leitores deste resumo acharem que as evidências apresentadas são relevantes para a tomada de decisões, devem consultar o conteúdo e os detalhes do artigo original, bem como os conselhos e diretrizes oferecidos por outras fontes de informação, antes de tomar decisões. A Evidence Aid não pode ser responsabilizada por quaisquer decisões relativas ao coronavírus (COVID-19) tomadas com base apenas neste resumo.

Share