Prevenção da transmissão do vírus entre profissionais de saúde durante o surto da Síndroma Respiratória do Médio Oriente provocada pelo coronavírus (MERS-CoV)

Added April 16, 2020

Citation: Rahman SAU. Transmission of Middle East respiratory syndrome coronavirus infections among healthcare personnel in the Middle East: A systematic review. Tropical Journal of Pharmaceutical Research 2018; 17(4): 731-9

De que se trata? A evidência sobre o uso de equipamento de proteção individual e de procedimentos de controlo da infeção para reduzir a transmissão do coronavírus da Síndroma Respiratória do Médio Oriente (MERS-CoV) a profissionais de saúde poderá ajudar a informar estratégias semelhantes para o COVID-19.

Nesta revisão sistemática, o autor procurou investigação sobre a transmissão da infecção pelo MERS-CoV entre profissionais de saúde no Médio Oriente. Restringiu a sua pesquisa a estudos publicados em língua inglesa. O manuscrito foi publicado em abril de 2018, mas a data da pesquisa não foi reportada. O autor identificou 4 estudos transversais, 3 estudos retrospetivos, 1 estudo prospetivo descritivo, 1 relato de caso, 1 caso primário, 1 estudo de revisão e 1 estudo de grupo. Dez estudos eram da Arábia Saudita, 1 dos Emirados Árabes Unidos e 1 da Península Arábica.

O que funciona: O uso de procedimentos e protocolos de controlo da infeção, que incluíram assegurar que as pessoas com sintomas de infeção respiratória cumprem a higiene respiratória e das mãos, reduziu a taxa de infeção pelo MERS-CoV entre os profissionais de saúde.

A identificação rápida de pacientes de alto risco com MERS-CoV e a implementação de procedimentos de controlo da infeção ajudaram a proteger os profissionais de saúde do MERS-CoV.

O que não funciona: Nada registado.

O que não se sabe: Nada registado.

Aviso Legal: Este resumo foi escrito por funcionários e voluntários da Evidence Aid. O objetivo é tornar o conteúdo do documento original acessível aos responsáveis pela tomada de decisões envolvidos na pesquisa de evidências disponíveis sobre o coronavírus (COVID-19) que, inicialmente, podem não ter tempo para ler o relatório original na íntegra. Este resumo não pretende substituir o aconselhamento médico e de outros profissionais de saúde, associações profissionais, desenvolvedores de diretrizes ou governos nacionais e agências internacionais. Se os leitores deste resumo acharem que as evidências apresentadas são relevantes para a tomada de decisões, devem consultar o conteúdo e os detalhes do artigo original, bem como os conselhos e diretrizes oferecidos por outras fontes de informação, antes de tomar decisões. A Evidence Aid não pode ser responsabilizada por quaisquer decisões relativas ao coronavírus (COVID-19) tomadas com base apenas neste resumo.

Share