Oxigenação por membrana extracorpórea (ECMO) para síndrome de insuficiência respiratória grave

Added August 13, 2020

Citation: Tillmann BW, Klingel ML, Iansavichene AE, et al. Extracorporeal membrane oxygenation (ECMO) as a treatment strategy for severe acute respiratory distress syndrome (ARDS) in the low tidal volume era: a systematic review. Journal of critical care. 2017 Oct 1;41:64-71.

De que se trata? Alguns pacientes com COVID-19 ficarão gravemente doentes e precisarão de ajuda para respirar, por exemplo, oxigenação por membrana extracorporal (ECMO), que é uma forma de suporte à vida que atinge o coração e os pulmões.

Nesta revisão sistemática, os autores procuraram ensaios clínicos randomizados e estudos observacionais de pacientes adultos com síndrome de insuficiência respiratória grave, comparando ECMO e ventilação mecânica de baixo volume corrente com somente ventilação mecânica de baixo volume corrente. Não restringiram as suas pesquisas por idioma de publicação, mas apenas estudos com pelo menos 10 pacientes foram elegíveis. Incluíram um estudo randomizado e 26 estudos observacionais (total: 1674 participantes) e classificaram a qualidade geral das evidências incluídas na revisão como baixa.

O que foi encontrado: Quanto à mortalidade geral, não houve nenhuma diferença nítida entre a ECMO e outros tratamentos para a síndrome de insuficiência respiratória grave.

A incidência de eventos adversos variou bastante entre os estudos incluídos.

No geral, houve um alto nível de variação entre os estudos, o que limitou comparações e interpretações.

 

Aviso Legal: Este resumo foi escrito por funcionários e voluntários da Evidence Aid. O objetivo é tornar o conteúdo do documento original acessível aos responsáveis pela tomada de decisões envolvidos na pesquisa de evidências disponíveis sobre o coronavírus (COVID-19) que, inicialmente, podem não ter tempo para ler o relatório original na íntegra. Este resumo não pretende substituir o aconselhamento médico e de outros profissionais de saúde, associações profissionais, desenvolvedores de diretrizes ou governos nacionais e agências internacionais. Se os leitores deste resumo acharem que as evidências apresentadas são relevantes para a tomada de decisões, devem consultar o conteúdo e os detalhes do artigo original, bem como os conselhos e diretrizes oferecidos por outras fontes de informação, antes de tomar decisões. A Evidence Aid não pode ser responsabilizada por quaisquer decisões relativas ao coronavírus (COVID-19) tomadas com base apenas neste resumo.

Share