O distanciamento social no local de trabalho reduziu a transmissão da gripe

Added July 6, 2020

Citation: Ahmed F, Zviedrite N, Uzicanin A. Effectiveness of workplace social distancing measures in reducing influenza transmission: a systematic review. BMC public health. 2018 Dec; 18(1): 518.

De que se trata? A pandemia do COVID-19 resultou em amplas medidas de distanciamento social. A pesquisa existente sobre a eficácia das medidas de distanciamento social destinadas a reduzir a transmissão de vírus respiratórios nos locais de trabalho pode fornecer informações úteis para os formuladores de políticas.

Nesta revisão sistemática, os autores procurarem pesquisas sobre intervenções de distanciamento social no local de trabalho para a prevenção da transmissão da influenza. Eles restringiram as suas pesquisas a artigos publicados em inglês desde 2000 e fizeram a pesquisa em maio de 2017. Eles incluíram 3 estudos epidemiológicos e 12 estudos de modelagem.

O que foi encontrado: Nos estudos incluídos nesta revisão, as medidas de distanciamento social no local de trabalho (trabalhar em casa sempre que possível, fins de semana prolongados ou horários rotativos da força de trabalho) reduziram a transmissão da influenza, tanto no local de trabalho como na população em geral.

A eficácia do distanciamento social no local de trabalho foi reduzida se a taxa de transmissibilidade (R0) aumentou acima de 1,9, se o limiar para desencadear intervenções aumentasse ou se a adesão diminuísse.

A adição de outras medidas não farmacêuticas e farmacêuticas aumentou a eficácia do distanciamento social no local de trabalho.

Os efeitos do distanciamento social no local de trabalho nos países de baixos salários são incertos.

 

Aviso Legal: Este resumo foi escrito por funcionários e voluntários da Evidence Aid. O objetivo é tornar o conteúdo do documento original acessível aos responsáveis pela tomada de decisões envolvidos na pesquisa de evidências disponíveis sobre o coronavírus (COVID-19) que, inicialmente, podem não ter tempo para ler o relatório original na íntegra. Este resumo não pretende substituir o aconselhamento médico e de outros profissionais de saúde, associações profissionais, desenvolvedores de diretrizes ou governos nacionais e agências internacionais. Se os leitores deste resumo acharem que as evidências apresentadas são relevantes para a tomada de decisões, devem consultar o conteúdo e os detalhes do artigo original, bem como os conselhos e diretrizes oferecidos por outras fontes de informação, antes de tomar decisões. A Evidence Aid não pode ser responsabilizada por quaisquer decisões relativas ao coronavírus (COVID-19) tomadas com base apenas neste resumo.

Share