O álcool para a desinfeção de materiais semicríticos nos cuidados de saúde pode não ser eficaz

Added June 15, 2020

Citation:  Ribeiro MM, Neumann VA, Padoveze MC, et al. Efficacy and effectiveness of alcohol in the disinfection of semi-critical materials: a systematic review. Revista latino-americana de enfermagem. 2015 Aug;23(4):741-52.

De que se trata? A prevenção de infeções e as intervenções de controlo são importantes nos cuidados de saúde, particularmente durante a pandemia COVID-19. Pesquisa existente sobre a eficácia do uso de álcool como desinfetante pode fornecer informações úteis aos responsáveis políticos.

Nesta revisão sistemática, os autores procuraram pesquisas que avaliavam a desinfecção de materiais semicríticos para a saúde (como equipamentos respiratórios e de anestesia, endoscópios e brocas dentárias) com álcool de 60 a 80% (p/v), com e sem limpeza prévia. Eles não restringiram as suas pesquisas por data ou língua de publicação e fizeram a pesquisa em julho de 2013. Incluíram 14 estudos, que investigaram o impacto da desinfeção com álcool nas bactérias (13 estudos) ou nos vírus (2).

O que foi encontrado: a efetividade e a eficácia da desinfeção com álcool de itens semicríticos de cuidados de saúde são incertas.

A desinfeção de itens semicríticos de cuidados de saúde com ~ 70% de álcool pode ser insuficiente para impedir a exposição dos pacientes a vírus e bactérias. No geral, 37% dos testes de campo e 25% dos testes laboratoriais detetaram micro-organismos após a desinfeção com álcool.

É incerto se  a limpeza prévia à desinfeção com álcool é benéfica.

 

Aviso Legal: Este resumo foi escrito por funcionários e voluntários da Evidence Aid. O objetivo é tornar o conteúdo do documento original acessível aos responsáveis pela tomada de decisões envolvidos na pesquisa de evidências disponíveis sobre o coronavírus (COVID-19) que, inicialmente, podem não ter tempo para ler o relatório original na íntegra. Este resumo não pretende substituir o aconselhamento médico e de outros profissionais de saúde, associações profissionais, desenvolvedores de diretrizes ou governos nacionais e agências internacionais. Se os leitores deste resumo acharem que as evidências apresentadas são relevantes para a tomada de decisões, devem consultar o conteúdo e os detalhes do artigo original, bem como os conselhos e diretrizes oferecidos por outras fontes de informação, antes de tomar decisões. A Evidence Aid não pode ser responsabilizada por quaisquer decisões relativas ao coronavírus (COVID-19) tomadas com base apenas neste resumo.

Share