Intervenções de monitorização da comunidade para eliminar a corrupção e aumentar o acesso e a qualidade da prestação de serviço em países de baixo e médio rendimento

Added May 12, 2020

Citation: Molina E, Carella L, Pacheco A, et al. Community monitoring interventions to curb corruption and increase access and quality of service delivery in low‐and middle‐income countries: a systematic review. Campbell Systematic Reviews 2016; 12(1): 1-204

De que se trata: Durante uma crise como a da COVID-19, em que os países recorrem a medidas especiais de forma a ajudar a evitar a disseminação do vírus e gerir a pandemia, a desinformação ou o uso inadequado de fundos de emergência podem desviar recursos valiosos das pessoas que mais necessitem deles.

Nesta análise sistemática da Campbell, os autores procuraram investigação que avaliasse os efeitos de intervenções de monitorização da corrupção e do acesso pela comunidade, e qualidade da prestação de serviço. Eles não se restringiram ao idioma da publicação e efectuaram a pesquisa em novembro de 2013. Incluíram 15 estudos, provenientes da Ásia (7 estudos), África (6) e América Latina (2). Estes estudos avaliaram intervenções no sector da educação (9 estudos), saúde (3), infraestruturas (2) e promoção do emprego (1).

O que foi constatado: Constatou-se que as intervenções de monitorização da comunidade foram eficazes na redução da corrupção. Parecem ser mais eficazes na melhoria de resultados quando promovem contacto directo entre cidadãos e políticos e quando incluem ferramentas para que os cidadãos monitorizem o desempenho dos prestadores e dos políticos.

Constatou-se que as intervenções de monitorização não foram eficazes nas matriculas ou no abandono escolar.

Não foi encontrada nenhuma melhoria nos tempos de espera nos serviços de saúde.

Verifica-se uma necessidade de informação adequada e de ferramentas de auxilio aos cidadãos para a monitorização da comunidade.

 

Aviso Legal: Este resumo foi escrito por funcionários e voluntários da Evidence Aid. O objetivo é tornar o conteúdo do documento original acessível aos responsáveis pela tomada de decisões envolvidos na pesquisa de evidências disponíveis sobre o coronavírus (COVID-19) que, inicialmente, podem não ter tempo para ler o relatório original na íntegra. Este resumo não pretende substituir o aconselhamento médico e de outros profissionais de saúde, associações profissionais, desenvolvedores de diretrizes ou governos nacionais e agências internacionais. Se os leitores deste resumo acharem que as evidências apresentadas são relevantes para a tomada de decisões, devem consultar o conteúdo e os detalhes do artigo original, bem como os conselhos e diretrizes oferecidos por outras fontes de informação, antes de tomar decisões. A Evidence Aid não pode ser responsabilizada por quaisquer decisões relativas ao coronavírus (COVID-19) tomadas com base apenas neste resumo.

Share