Doenças gastrointestinais / hepáticas e COVID-19 (resenhas múltiplas)

Added August 18, 2020

O que é isto? Alguns dos pacientes com infecção por COVID-19 irão desenvolver problemas gastrointestinais ou hepáticos. E foram realizadas resenhas para estudar sobre o assunto. Para mais informações sobre estas resenhas, incluindo citações e links para o texto completo, faça “scroll down” neste resumo.

O que foi encontrado: À data destas resenhas, todos os pacientes relataram que os sintomas gastrointestinais, como diarreia, perda de apetite, náuseas, vómitos e complicações como lesões hepáticas, podem ser experimentados por pessoas com infecção por COVID-19. A presença e gravidade de sintomas gastrointestinais e complicações, como lesões hepáticas, podem estar relacionadas com o nível de severidade da doença COVID-19 e podem ser indicadores úteis para prognósticos. Várias resenhas relataram que os testes de função hepática podem ser indicadores úteis para diagnosticar a infecção por COVID-19.

No momento destas resenhas, a gama de pacientes com infecção por COVID-19 e evidências de disfunção hepática variavam entre 15% (Sultan et al.) e cerca de 50% (Wang et al.), embora a causa de tais eventos fosse incerta. Samidoust et al. assinalaram que o aumento da idade constitui um aumento do risco de lesão hepática.

Mao et al. referiram que alguns pacientes com COVID-19 podem apresentar apenas sintomas gastrointestinais; o que significa que este grupo de pacientes poderá apresentar atrasos seu no diagnóstico, sendo que tendem a ter um prognóstico pior. Mas, Sultan et al. relataram que sintomas gastrointestinais isolados eram raros, no que toca à infecção por COVID-19.

Cheung et al., Parasa et al. e Mao et al. observaram que cerca de metade dos pacientes com COVID-19 nos seus estudos tinham o vírus da RNA, detectável em amostras de fezes em algum dos estágios de evolução da infecção por COVID-19. Cheung et al. constataram que a presença de diarreia estava associada a níveis virais mais elevados nas fezes.

Todas estas resenhas deram suporte à teoria de que o COVID-19 pode se espalhar pela via fecal-oral e os profissionais de saúde devem tomar precauções na prevenção da infecção ao manusearem amostras de fezes.

Quais são as resenhas em questão:

Citation: Cheung KS, Hung IF, Chan PP, et al. Gastrointestinal manifestations of SARS-CoV-2 infection and virus load in fecal samples from the Hong Kong cohort and systematic review and meta-analysis. Gastroenterology. 2020 Jul 1;159(1):81-95.

Nesta resenha, os autores procuraram estudos que avaliassem a infecção por COVID-19 e os sintomas gastrointestinais. Eles não restringiram as suas pesquisas por idioma de publicação e fizeram a pesquisa em 11 de março de 2020. Eles incluíram 69 estudos descritivos e de observação, e notaram uma variação marcante entre os estudos incluídos.

Citation: Mao R, Qiu Y, He JS, et al. Manifestations and prognosis of gastrointestinal and liver involvement in patients with COVID-19: a systematic review and meta-analysis. The Lancet Gastroenterology & Hepatology. 2020 Jul 01;5(7):667-78.

Nesta resenha, os autores procuraram estudos com 10 ou mais pacientes sobre a prevalência de sintomas gastrointestinais e complicações em pacientes com infecção por COVID-19. Eles restringiram as suas pesquisas a artigos publicados em inglês até 4 de abril de 2020. Também identificaram 35 estudos (6.686 pacientes, no total), principalmente oriundos a China (32). Eles avaliaram todos os estudos incluídos e concluíram que fornecem evidências de reduzida qualidade, com variação acentuada entre eles e evidência de enviezamento na publicação.

Citation: Suresh Kumar VC, Mukherjee S, Harne PS, et al. Novelty in the gut: a systematic review and meta-analysis of the gastrointestinal manifestations of COVID-19. BMJ Open Gastroenterology 2020;7(1):e000417.

Nesta resenha, os autores procuraram estudos de observação de sintomas gastrointestinais em pacientes adultos com infecção por COVID-19. Eles restringiram as suas pesquisas a artigos publicados em inglês e fizeram a pesquisa mais recente em 4 de abril de 2020. Também incluíram 17 estudos (2.477 pacientes), principalmente da China (15). Eles avaliaram os estudos como sendo evidências observacionais de qualidade moderada a alta e verificaram a presença de enviezamento de publicação.

Citation: Wang H, Qiu P, Liu J, et al. The liver injury and gastrointestinal symptoms in patients with Coronavirus Disease 19: a systematic review and meta-analysis. Clinics and Research in Hepatology and Gastroenterology. 2020 May 12.

Nesta resenha, os autores pesquisaram estudos de 10 ou mais pacientes com disfunção hepática, bem como sintomas gastrointestinais em pacientes com infecção por COVID-19. Eles restringiram as suas pesquisas a artigos publicados em inglês. A pesquisa mais recente foi concluída em 31 de março de 2020. Eles incluíram 21 estudos (3024 pacientes, no total).

Citation: Parasa S, Desai M, Chandrasekar VT, et al. Prevalence of Gastrointestinal Symptoms and Fecal Viral Shedding in Patients With Coronavirus Disease 2019: A Systematic Review and Meta-analysis. JAMA Network Open. 2020 Jun 1;3(6):e2011335.

Nesta resenha, os autores procuraram estudos de observação das manifestações gastrointestinais da infecção por COVID-19. Eles não restringiram as suas pesquisas por idioma de publicação e pesquisaram até 30 de março de 2020. Também incluíram 21 publicações e 8 estudos de pré-impressão oriundos da China (28) e um banco de dados multicêntrico do CDC (1) (no total, 4805 pacientes), e observaram uma variação marcante entre os estudos incluídos.

Citation: Santos VS, Gurgel RQ, Cuevas LE, et al. Prolonged fecal shedding of SARS-CoV-2 in pediatric patients. A quantitative evidence synthesis. Journal of Pediatric Gastroenterology and Nutrition. 2020 Aug;71(2):150-2.

Nesta resenha, os autores procuraram estudos de observação comparando a eliminação viral fecal com a eliminação viral respiratória em pacientes em Pediatria com infecção por COVID-19. Eles não restringiram as suas pesquisas por idioma de publicação e pesquisaram até 19 de abril de 2020. Também incluíram 4 estudos (no total, 36 participantes em Pediatria), todos avaliados como tendo evidências de baixa qualidade.

Citation: Youssef M, Hussein M, Attia AS, et al. COVID‐19 and Liver Dysfunction: a systematic review and meta‐analysis of retrospective studies. Journal of Medical Virology. 2020 May 23.

Nesta resenha, os autores procuraram por estudos de lesões hepáticas agudas em pacientes COVID-19. Eles não restringiram as suas pesquisas por idioma de publicação e pesquisaram até 16 de abril de 2020. Também incluíram 20 estudos retrospetivos de observação, da China, (no total, 3428 pacientes) e observaram uma variação entre os estudos incluídos.

Citation: Sultan S, Altayar O, Siddique SM, et al. AGA Institute Rapid Review of the Gastrointestinal and Liver Manifestations of COVID-19, Meta-Analysis of International Data, and Recommendations for the Consultative Management of Patients with COVID-19. Gastroenterology 2020 Jul;159(1):320-34.e27.

Nesta resenha, os autores procuraram estudos de manifestações gastrointestinais e hepáticas da infecção por COVID-19, bem como evidências de complicações gastrointestinais associadas a alguns tratamentos COVID-19 (tratamentos antimaláricos e antivirais). Eles não restringiram as suas pesquisas por idioma de publicação e pesquisaram até 5 de abril de 2020, bem como monitorizaram publicações periódicas americanas até 19 de abril de 2020. Também incluíram 57 estudos (no total, 10.890 pacientes) e notaram uma variação marcante entre os estudos incluídos.

Citation: Samidoust P, Samidoust A, Samadani AA, et al. Risk of hepatic failure in COVID-19 patients. A systematic review and meta-analysis. Le Infezioni in Medicina. 2020 Jun 1;28(suppl 1):96-103.

Nesta resenha, os autores procuraram estudos de insuficiência hepática em pacientes com infecção por COVID-19. Eles não restringiram as suas pesquisas por idioma de publicação e pesquisaram até 3 de abril de 2020. Também incluíram 21 estudos (4191 pacientes, no total) e notaram uma variação marcante entre os estudos incluídos.

Other reviews of this topic:

Citation: Wong MC, Huang J, Lai C, et al. Detection of SARS-CoV-2 RNA in fecal specimens of patients with confirmed COVID-19: a meta-analysis. Journal of Infection. 2020 Aug 01;81(2):E31-8.

Citation: Xin S, Xu J, Yu Y. Abnormal Liver Function Tests of patients with Coronavirus disease 2019 in Mainland China: a systematic review and meta-analysis. Journal of Gastrointestinal and Liver Diseases 2020 Jun 3;29(2):219-26.

 

 

Aviso Legal: Este resumo foi escrito por funcionários e voluntários da Evidence Aid. O objetivo é tornar o conteúdo do documento original acessível aos responsáveis pela tomada de decisões envolvidos na pesquisa de evidências disponíveis sobre o coronavírus (COVID-19) que, inicialmente, podem não ter tempo para ler o relatório original na íntegra. Este resumo não pretende substituir o aconselhamento médico e de outros profissionais de saúde, associações profissionais, desenvolvedores de diretrizes ou governos nacionais e agências internacionais. Se os leitores deste resumo acharem que as evidências apresentadas são relevantes para a tomada de decisões, devem consultar o conteúdo e os detalhes do artigo original, bem como os conselhos e diretrizes oferecidos por outras fontes de informação, antes de tomar decisões. A Evidence Aid não pode ser responsabilizada por quaisquer decisões relativas ao coronavírus (COVID-19) tomadas com base apenas neste resumo.

 

 

 

Share