As experiências de pacientes hospitalizados de estar em isolamento protetor

Added May 1, 2020

Citation: Vottero B, Rittenmeyer L. The hospitalised patients’ experience of being in protective/source isolation: a systematic review of qualitative evidence. JBI Library of Systematic Reviews 2012; 10(16): 935-76

De que se trata? Durante a pandemia de COVID-19, algumas pessoas estão a isolar-se a fim de reduzir o risco de transmitir o vírus.

Nesta revisão sistemática, o autor procurou pesquisas qualitativas em relação às experiências de adultos hospitalizados durante o isolamento. Restringiram a sua pesquisa a artigos publicados em inglês de 1971 a 2010, e fizeram a pesquisa em maio de 2010. Incluíram 8 estudos qualitativos.

Resultados: A fim de reduzir os efeitos psicossociais prejudiciais decorrentes da isolação, as políticas institucionais precisam de refletir a acuidade mais elevada de atenção necessária, permitir que os pacientes possam fazer escolhas, criar quartos que tenham em consideração pacientes de longo prazo, e apoiar cuidados de enfermagem que são sensíveis às necessidades específicas do paciente isolado.

O isolamento de pacientes hospitalizados leva a uma conectividade humana fracturada e as enfermeiras precisam de fornecer uma assistência que atenue estes efeitos negativos.

A comunicação clara entre profissionais de saúde e pacientes é uma parte essencial para prepará-los para o isolamento.

As preferências do paciente e o seu estilo de lidar com a situação devem ser incorporados no plano para cuidá-lo durante o isolamento.

O treino de competências para profissionais de saúde pode aumentar as suas capacidades para identificar as necessidades de pacientes em isolamento.

 

Aviso Legal: Este resumo foi escrito por funcionários e voluntários da Evidence Aid. O objetivo é tornar o conteúdo do documento original acessível aos responsáveis pela tomada de decisões envolvidos na pesquisa de evidências disponíveis sobre o coronavírus (COVID-19) que, inicialmente, podem não ter tempo para ler o relatório original na íntegra. Este resumo não pretende substituir o aconselhamento médico e de outros profissionais de saúde, associações profissionais, desenvolvedores de diretrizes ou governos nacionais e agências internacionais. Se os leitores deste resumo acharem que as evidências apresentadas são relevantes para a tomada de decisões, devem consultar o conteúdo e os detalhes do artigo original, bem como os conselhos e diretrizes oferecidos por outras fontes de informação, antes de tomar decisões. A Evidence Aid não pode ser responsabilizada por quaisquer decisões relativas ao coronavírus (COVID-19) tomadas com base apenas neste resumo.

Share