Apoio ao autocuidado em crianças e adolescentes com problemas de saúde crónicos

Added June 10, 2020

Citation: Bee PE, Pedley R, Rithalia A, Richardson GA, Pryjmachuk S, Kirk S, Bower P. Self-care support for children and adolescents with long-term conditions: the REfOCUS evidence synthesis. NIHR HS&DR Journal. 2018.

De que se trata? A pandemia da Covid-19 está a exercer uma grande pressão sobre os serviços de prestação de cuidados de saúde. A investigação existente sobre apoio ao autocuidado em crianças e adolescentes com problemas de saúde crónicos pode fornecer informações úteis aos responsáveis políticos.

Nesta revisão sistemática, os autores procuraram estudos de eficácia comparativa sobre o apoio ao autocuidado oferecido a crianças e jovens (menores de 18 anos) com um problema de saúde físico ou mental crónico. Não restringiram as suas pesquisas por data nem idioma de publicação, e fizeram a pesquisa em março de 2015. Incluíram 97 estudos que reportaram 114 intervenções, tendo sido 37 ensaios classificados como tendo um baixo risco de enviesamento. Entre as intervenções, os autores categorizaram 4% como sendo autocuidado puro, 23% como sendo facilitação do autocuidado, 65% como sendo facilitação do autocuidado de forma intensiva e 8% como sendo ‘gestão de casos’.

O que resulta: As intervenções de apoio ao autocuidado têm benefícios estatisticamente significativos, mas mínimos, no âmbito da qualidade de vida das crianças e jovens com problemas de saúde crónicos, e no que toca às visitas às urgências.

O que não resulta: Nada registado.

O que não é claro: Não são claros quais os efeitos que as intervenções de apoio ao autocuidado em crianças e jovens com problemas de saúde crónicos têm sobre as admissões hospitalares e sobre os custos totais de saúde.

Não é claro quais são os melhores modelos de apoio ao autocuidado em crianças e jovens com problemas de saúde crónicos, devido ao volume e à natureza das evidências disponíveis.

Não são claros os efeitos de diferentes tipos de apoio ao autocuidado (destinado a crianças e jovens) sobre um vasto leque de problemas de saúde.

 

Aviso Legal: Este resumo foi escrito por funcionários e voluntários da Evidence Aid. O objetivo é tornar o conteúdo do documento original acessível aos responsáveis pela tomada de decisões envolvidos na pesquisa de evidências disponíveis sobre o coronavírus (COVID-19) que, inicialmente, podem não ter tempo para ler o relatório original na íntegra. Este resumo não pretende substituir o aconselhamento médico e de outros profissionais de saúde, associações profissionais, desenvolvedores de diretrizes ou governos nacionais e agências internacionais. Se os leitores deste resumo acharem que as evidências apresentadas são relevantes para a tomada de decisões, devem consultar o conteúdo e os detalhes do artigo original, bem como os conselhos e diretrizes oferecidos por outras fontes de informação, antes de tomar decisões. A Evidence Aid não pode ser responsabilizada por quaisquer decisões relativas ao coronavírus (COVID-19) tomadas com base apenas neste resumo.

Share