Análises de sangue de rotina e gravidade da infeção por COVID-19 (pesquisa feita a 20 de março de 2020)

Added August 13, 2020

Citation: Zeng F, Li L, Zeng J, et al. Can we predict the severity of COVID-19 with a routine blood test? Polish archives of internal medicine. 2020 May 29;130(5):400-6.

De que se trata? Os exames de sangue de rotina podem fornecer informações sobre a gravidade da COVID-19 a um paciente infetado.

Nesta rápida revisão, os autores procuraram estudos avaliando a relação entre os resultados dos exames de sangue de rotina e a gravidade da infecção por COVID-19. Restringiram as suas pesquisas a artigos publicados em inglês e chinês e fizeram a pesquisa a 20 de março de 2020. Identificaram 15 estudos (3090 pacientes), todos da China.

O que foi encontrado: No momento da revisão, os estudos incluídos observaram que os pacientes com infeção grave por COVID-19 tinham níveis mais altos de neutrófilos e razão neutrófilo-linfócito (RNL) e níveis mais baixos de linfócitos do que pacientes com uma infeção menos grave; mas que essas descobertas são incertas.

 

Aviso Legal: Este resumo foi escrito por funcionários e voluntários da Evidence Aid. O objetivo é tornar o conteúdo do documento original acessível aos responsáveis pela tomada de decisões envolvidos na pesquisa de evidências disponíveis sobre o coronavírus (COVID-19) que, inicialmente, podem não ter tempo para ler o relatório original na íntegra. Este resumo não pretende substituir o aconselhamento médico e de outros profissionais de saúde, associações profissionais, desenvolvedores de diretrizes ou governos nacionais e agências internacionais. Se os leitores deste resumo acharem que as evidências apresentadas são relevantes para a tomada de decisões, devem consultar o conteúdo e os detalhes do artigo original, bem como os conselhos e diretrizes oferecidos por outras fontes de informação, antes de tomar decisões. A Evidence Aid não pode ser responsabilizada por quaisquer decisões relativas ao coronavírus (COVID-19) tomadas com base apenas neste resumo.

Share