A promoção da lavagem das mãos direcionada a crianças, com diarreia, infecções por helmintos transmitidos pelo solo e mudança de comportamento em países de rendimento baixo e médio: os resultados são incertos

Added April 23, 2020

Citation: Watson J, Ensink J, Ramos M, et al. Does targeting children with hygiene promotion messages work? The effect of handwashing promotion targeted at children, on diarrhea, soil-transmitted helminth infections and behavior change, in low- and middle-income countries. Tropical Medicine and International Health 2017; 22(5): 526-38

De que se trata? Intervenções físicas, tais como a lavagem das mãos, devem interromper ou reduzir a propagação da COVID-19. Pesquisas existentes sobre a lavagem das mãos na prevenção de infecções por diarreia e helmintos transmitidos pelo solo (STH, na sigla em inglês) na infância podem fornecer informações úteis para ajudar a prevenir a disseminação da COVID-19.

Nesta análise sistemática, os autores procuraram estudos de países com rendimento baixo ou médio que testaram os efeitos de uma intervenção de promoção da higiene (que incluía mensagens sobre a lavagem das mãos) e tinha como alvo as crianças. Restringiram a sua pesquisa a estudos revistos por colegas publicados em jornais de língua inglesa e fizeram esta pesquisa em julho de 2016. Incluíram 7 ensaios aleatorizados por conglomerado e 1 ensaio não aleatorizado por conglomerado. Estes foram realizados na China (2 estudos), Egito (1), Índia (1), Quénia (2), Malásia (1) e Peru (1), e tinham como alvo crianças dos 5 aos 12 anos.

O que funciona: Nada a observar.

O que não funciona: Nada a observar.

O que não é claro: Embora o conhecimento relativo à higiene tenha aumentado em estudos com foco na prevenção e transmissão de infeções de helmintos pelo solo, a falta de evidências nestas áreas temáticas significa que o efeito das intervenções de promoção da lavagem das mãos no comportamento das crianças, diarreia e helmintos transmitidos pelo solo é incerto.

 

Aviso Legal: Este resumo foi escrito por funcionários e voluntários da Evidence Aid. O objetivo é tornar o conteúdo do documento original acessível aos responsáveis pela tomada de decisões envolvidos na pesquisa de evidências disponíveis sobre o coronavírus (COVID-19) que, inicialmente, podem não ter tempo para ler o relatório original na íntegra. Este resumo não pretende substituir o aconselhamento médico e de outros profissionais de saúde, associações profissionais, desenvolvedores de diretrizes ou governos nacionais e agências internacionais. Se os leitores deste resumo acharem que as evidências apresentadas são relevantes para a tomada de decisões, devem consultar o conteúdo e os detalhes do artigo original, bem como os conselhos e diretrizes oferecidos por outras fontes de informação, antes de tomar decisões. A Evidence Aid não pode ser responsabilizada por quaisquer decisões relativas ao coronavírus (COVID-19) tomadas com base apenas neste resumo.

 

Share